junho 04, 2018

Joana Franco | O Futurismo e a sua expressão (1)




De início, a professora Alexandra propôs à nossa turma a realização de um trabalho sobre o Futurismo e a sua expressão própria que o difere dos restantes movimentos artísticos. Achei esta via extremamente cativante devido à sua paixão que nem parece ser real. É tão fundada em extremismos que me custa acreditar que algo assim foi pensado e realizado, apesar de não ter funcionado e nem ter tido pernas para continuar com a expressão.

Seguidamente tínhamos de escolher uma obra futurista e aplicar as suas características formais num trabalho nosso, utilizando um objeto previamente escolhido. Como não me relaciono com a maioria deste movimento decidi pegar em algo que gostasse pessoalmente. O trabalho do artista Fortunato Depero fez-me bem. A sua expressão era imensamente influenciada pelo design e por diferentes suportes, achei engraçado não ter muitos trabalhos a pintura. A obra que escolhi do artista foi War Party, uma tapeçaria de grandes dimensões e vertical.  O meu objeto era um cortador de ovos dos meus avós.

Sem comentários :

Enviar um comentário